domingo, 26 de julho de 2009

Datas importantes na história do INMETRO


ANO - DESCRIÇÃO

1830 - Início da história da metrologia brasileira. Projeto de adoção do sistema métrico decimal.

1862 - D. Pedro II com a Lei Imperial nº 1.157 estabelece que o sistema de pesos e medidas será substituído pelo sistema métrico francês.

1872 - Implantado o Sistema Métrico Decimal no Brasil.

1875 - Dezessete países assinam, em Paris, a Convenção do Metro.

1877 - Criado o Bureau Internacional de Pesos e Medidas.1880 - Comparação do padrão brasileiro com os do BIPM.

1881 - Adoção internacional do Sistema CGS (centímetro, grama e segundo).

1905 - I Conferência Nacional de Pesos e Medidas nos USA.

1930 - Regulamentação para calibração de pesos e medidas sem alterações nas tabelas de taxas.

1931 - Por falta de recursos o Brasil se desliga da Convenção do Metro.

1933 - Ministério do Trabalho, Indústria e Comércio (MTIC) incorpora o Instituto Nacional de Tecnologia.

1938 - INT assume a gestão de um sistema de metrologia legal no âmbito nacional.

1940 - Criação da Associação Brasileira de Normas Técnicas - ABNT.

1945 - Primeiro concurso público de formação de metrologista (RJ).

1948 - Conferência Internacional de Pesos e Medidas.

1952 - Obrigação de indicação da quantidade de produto comercializado em embalagem lacrada.

1953 - Reintegração do Brasil à Convenção do Metro.

1954 - Foram escolhidas seis unidades fundamentais: metro (extensão, definição desde 1889);quilograma (padrão de massa, desde 1889); segundo (tempo); ampére (corrente elétrica, desde 1948). Apenas a unidade de tempo não tinha definição aprovada pelo CGPM.

1956 - Criação da Organização Internacional de Metrologia Legal / OIML.

1960 - Institucionalização do Sistema Internacional de Unidades - SI.1960 - Brasil participa da Conferência Geral de Pesos e Medidas (CGPM) que cria o Sistema Internacional de Unidades.

1961 - Reestruturação do Ministério da Indústria e Comércio, determinada pela Lei nº 4.048/61, criando o Instituto Nacional de Pesos e Medidas (INPM), transferindo as atividades de cunho metrológico do INT para este novo órgão.

1962 - I Convenção Nacional de Órgãos Metrológicos realizada no Rio de Janeiro.

1963 - Fixadas normas para a indicação quantitativa de produtos ou carnes vendidos em embalagens de metal, plástico ou vidro.

1966 - Criação dos órgãos metrológicos estaduais de Minas Gerais e Rio de Janeiro.1967 - Priobida a utilização de carimbos em rótulos ou envoltórios, para evitar fraudes na definição de quantidade e outras características dos produtos.

1967 - Primeira formulação de uma Política Nacional de Metrologia e a criação do Fundo de Metrologia, para financiar o aparelhamento, custeio e manutenção dos serviços metrológicos.

1967 - Criação dos órgãos metrológicos estaduais de São Paulo (Ipem-SP) e Paraná (Ipem-PR).

1968 - Criação dos órgãos metrológicos estaduais da Bahia (Ipem-BA), da Paraíba (Ipem-PB) e de Pernambuco (Ipem-PE).

1969 - Criação do órgão metrológico estadual do Rio Grande do Sul (Inmetro-RS/Agência do Inmetro RS).

1971 - Instalação do prédio inaugural do Centro Nacional de Metrologia e transferência do INPM para Xerém - Duque de Caxias - RJ.

1971 - Orçamentos do INPM com recursos destinados à construção do Centro Nacional de Metrologia.

1972 - Determinada a padronização do acondicionamento para a venda a varejo de cereias e grãos.

1972 - A Secretaria de Tecnologia Industrial tem como principal atribuição planejar e coordenar as ações do Instituto Nacional de Tecnologia, do Instituto Nacional de Propriedade Industrial e do Instituto Nacional de Pesos e Medidas, vinculada ao Ministério da Indústria e do Comércio.

1972 - Criação do órgão metrológico estadual de Alagoas (atualmente Ipem-MAC).

1973 - Nasce o Sistema Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Sinmetro).

1973 - Criação do Inmetro autarquia federal vinculada ao MIC, com personalidade jurídica e patrimônio próprios e com sede na capital federal como órgão executor das políticas estabelecidas pelo sistema.

1973 - Normas para a embalagem de massas alimentícias e biscoitos.

1974 - Instalação do Conselho Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Conmetro).

1974 - Inauguração do Edifício Central do Laboratório Nacional de Metrologia, no Campus de Xerém do Instituto Nacional de Pesos e Medidas.

1975 - O Conmetro aprova a resolução 11/75 que estabelece a definição de regulamento técnico, a Resolução 12/75 estabelecendo o Inmetro como fórum para a harmonização dos interesses do governo na normalização de áreas específicas de sua atuação, a Resolução 03/75 definindo como norma brasileira apenas aquelas registradas pelo Inmetro, a Resolução 08/75 fixando critérios para criação de normas, a Resolução 07/75 identificando a ABNT como órgão do Sinmetro e a Resolução 06/75 que responsabiliza a ABNT pela elaboração das normas voluntárias, aprovando,ainda, o sistema de classificação das normas brasileiras.

1977 - Criação do órgão metrológico estadual de Sergipe (atualmente Inmetro-SE).

1977 - Fixadas as regras para o credenciamento de entidade junto ao Sinmetro e estipuladas as condições para o credenciamento da própria ABNT.

1978 - O Conselho completando o processo de detalhamento do Sinmetro, define os critérios para a certificação de conformidade às normas brasileiras, o regulamento para a organização do subsistema de certificação de qualidade de produtos industriais e criando o Comitê Nacional de Metrificação.

1978 - Criação do órgão metrológico estadual do Espírito Santo (Ipem-ES).

1978 - Aprovada a primeira norma brasileira na vigência da nossa legislação, a norma compulsória NBR 5929 relativa a motores a álcool e a NBR 5930 relativa ao transporte ferroviário de explosivos.

1980 - Definitiva implantação do Inmetro com a transferência das atribuições do INPM.

1980 - Criação da Rede Nacional de Calibração - RNC, formada por laboratórios credenciados pelo Inmetro, segundo normas internacionais, para a calibração de padrões de instrumentos de medir não usados em transações comerciais ou incluídos no âmbito da metrologia legal.

1981 - Resoluções do Conmetro detalhando os procedimentos para o credenciamento de laboratóriosde ensaios pelo Inmetro, no âmbito da Rede Nacional de Laboratórios de Ensaios/RNLE.

1982 - Aprovação do novo regulamento metrológico nacional.

1982 - Criação do órgão metrológico estadual do Mato Grosso do Sul (DPM do MS).

1983 - Criação dos órgãos metrológicos do Distrito Federal (SUR 01 DF) e dos estados de Goiás (SUR 01 GO) e do Mato Grosso (SUR 01 MT).

1984 - Divisão de Acústica e Vibrações do Inmetro passa a contar com os laboratórios de Eletroacústica, Ensaios Acústicos e Vibrações.

1985 - O Inmetro assume a condição de Ponto Focal no âmbito do Acordo sobre Barreiras Técnicas no Comércio (TBT), da Organização Mundial do Comércio (OMC).

1985 - Primeiro grupo de auditores da qualidade do Inmetro foi finalmente formado pelo IBQN.

1985 - Formulação do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - PADCT.

1986 - Criação do órgãos metrológicos estaduais do Ceará (Ipem Fortaleza) e Rondônia (SUR 01 RO).

1987 - Inaugurados os laboratórios da Divisão de Mecânica: Fluidos, Força, Massa, Medidas Industriais e Pressão.

1987 - Inauguração no Laboratório Nacional de Metrologia, no campus de Xerém, dos Laboratórios de Fluídos, Força, Massa, Medidas Industriais e Pressão da Divisão de Mecânica.

1988 - Criação do órgão metrológico estadual do Maranhão (Ipemar).

1989 - Inauguração dos laboratórios de Tensão e Corrente Elétrica; Resistência, Capacitância e Indultância e de Potência, Energia e Transformadores.

1989 - Criação do órgão metrológico estadual de Santa Catarina (SUR 02).

1990 - Lançamento do Programa Brasileiro da Qualidade e Produtividade/ PBQP.1991 - Estruturação do Inmetro, com nova estrutura regimental e novo regulamento interno. A primeiraestrutura era de 1977. O novo regimento diminuía o número de órgãos e simplificava a direção superior do Instituto.

1991 - Criação do órgãos metrológicos estaduais do Rio Grande do Norte (Ipem-RN) e Pará (Imep-PA).

1992 - Criado o Comitê Nacional de Normalização - CNN como instrumento assessor do Conmetro. Instituídos os organismos de normalização setorial, com o propósito de dar maior agilidade à elaboração das normas.

1992 - Criação do Comitê Brasileiro de Certificação, com a função de aprovar procedimentos, critérios e regulamentos para o credenciamento de organismos de certificação. Com estes procedimentos o Instituto passava a credenciar e auditar os organismos de certificação públicos e privados.

1992 - Mudança na denominação da rede para: Rede Brasileira de Calibração - RBC e Rede Brasileira de Laboratórios de Ensaio - RBLE.

1992 - Criação do órgão metrológico estadual do Piauí (Imep-PI).1992 - Criação do Comitê Brasileiro de Certificação/CBC. O Inmetro assume a Secretaria Executiva.

1993 - Criação do órgão metrológico estadual do Amapá (Ipem-AP).

1994 - Criação do órgão metrológico estadual do Amazonas (Ipem-AM).

1995 - Criado o Comitê Brasileiro de Metrologia/CBM. O Inmetro assume a Secretaria Executiva.

1995 - Criação do International Accreditation Forum - IAF.

1996 - Criação do Interamerican Accreditaion Cooperation/IAAC, organização que elegeu o Brasil (Inmetro) como seu primeiro representante.

1996 - Lançamento oficial do site do Inmetro.

1996 - Criação do Programa de Análise de Produtos.

1998 - Elaboração do Plano de Modernização do Inmetro.

1998 - Assinatura do Contrato de Gestão. O Inmetro recebe o status de Agência Executiva.

1999 - Criação do órgão metrológico estadual de Tocantins.

2000 - Assinatura de Acordo de Reconhecimento Mútuo para Credenciamento de Laboratórios entre o Inmetro e o ILAC - International Accreditattion Cooperation.

2000 - Cientistas da Divisão de Metrologia Óptica do Inmetro batem recorde mundial de medição de blocos padrão de 1 milímetro até 100 milímetros.

2000 - Primeira autarquia a conquistar a premiação Ouro do Prêmio Qualidade do Governo Federal PQGF, no âmbito do Programa Qualidade no Serviço Público.

2001 - Criação da Ouvidoria do Inmetro e início da operação da Central de Teleatendimento para aperfeiçoar o atendimento à população.

2001 - Reformulação do site do Inmetro: http://www.inmetro.gov.br/

2001 - Criação do órgão metrológico estadual do Acre.

2001 - Aprovação pelo Conmetro, da transformação do Comitê Brasileiro de Certificação /CBC, em ComitêBrasileiro da Avaliação da Conformidade/ CBAC.

2001 - Aprovação pelo Conmetro do Termo de Referência do Programa Brasileiro de Avaliação da Conformidade/PBAC.

2002 - Criação do órgão metrológico estadual de Rondônia.

2002 - Implantação do laboratório de Eletroquímica da Divisão de Metrologia Química.

2002 - Inmetro obtêm o Prêmio de Inovação na Gestão Pública Federal Hélio Beltrão da Escola Nacional de Administração Pública com o Sistema de Planejamento e Execução Orçamentária - Siplan.

2002 - Lançamento do Portal do Consumidor em parceria com o Ministério da Justiça dentro do PBQP.

2002 - Reconhecimento do Inmetro junto ao Aerospace Quality Group - IAQG.

2002 - Inmetro realiza o "Encontro Internacional Inmetro de Metrologia e Qualidade".

2002 - Pesquisa CIC/Ibope mostra que o Inmetro é conhecido por 63% da população brasileira. Dentre os que conhecem, 90% confiam nele e 80% utilizam as informações do Inmetro nas suas decisões de compra.

2003 - O Inmetro recebe o Prêmio Top Qualidade 2003.

2003 - Inmetro realiza o "II Encontro Internacional de Metrologia e Inovação para a Competitividade".

2003 - Os ministros Luiz Fernando Furlan, do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior e Roberto Amaral, da Ciência e Tecnologia, inauguram no Inmetro, em Xerém, o Laboratório de Metrologia de Materiais.

2003 - Inmetro adota compras governamentais por meio de pregões eletrônicos.

2004 - Inmetro assina convênio com a Japan International Cooperation Agency - JICA. Primeiro acordo de cooperação técnica entre o Mercosul e o Japão.

2004 - Planejamento estratégico do Inmetro é considerado modelo para outras instituições públicas.

2004 - Rede Paranaense de Metrologia e Ensaios e Inmetro promovem o "IV Congresso Latino Americano de Metrologia de Metrologia" - IV Metrosul.

2004 - Primeiro Pregão Presencial da Instituição.

2004 - Inmetro recebe premiação prata na categoria "Autarquia e Fundação" do Prêmio Nacional de Gestão Pública - ciclo 2004.

2004 - Adoção do 0800 serviço de chamada gratuita.

2005 - Criação do Grupo de Trabalho para os Arranjos Produtivos Locais - APLs.

2005 - Inmetro recebe Prêmio Top de Qualidade do Instituto de Estudos e Pesquisa da
Qualidade – IEPQ - pela relevante atuação na competitividade da indústria brasileira no mercado interno e externo.

2005 - Inmetro e a Secretaria de Políticas e Programas de Pesquisa e Desenvolvimento (Seped), do Ministério da Ciência e Tecnologia, assinam documento para criação de um Centro Nacional de Nanometrologia no Inmetro.

2005 - Inmetro recebe a premiação prata do Prêmio Nacional da Gestão Pública - ciclo 2005, sendo a única autarquia nesta categoria a ser premiada.

2006 - Visita do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, à instituição no dia 20/01/2006.

2006 - Inmetro é a única autarquia a receber o Prêmio Nacional de Gestão Pública (PQGF) - Ciclo 2005, com o reconhecimento Faixa Prata, na categoria Autarquia e Fundações.

2006 - Humberto Brandi, diretor de Metrologia Científica e Industrial do Inmetro, é eleito presidente do Sistema Interamericano de Metrologia - SIM.

2006 - Inmetro e SBM realizam, pela primeira vez na América Latina, o "IMEKO XVIII World Congress" (Brasil/RJ).

2006 - Aprovada a Lei Nº 11.355 que dispõe sobre a criação do Plano de Carreiras e Cargos do Inmetro.

2006 - Decreto Nº 5965 que aprova a Estrutura Regimental e o Quadro Demonstrativo dos Cargos em Comissão e das Funções Gratificadas do Inmetro.

2006 - Inmetro é a primeira autarquia federal a ter o reconhecimento de sua marca vinculada numa edição da Superbrands do Brasil.

2007 - Inmetro recebe, pela primeira vez, a visita de um governador do Estado do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral.

2007 - Ministro do Trabalho e Emprego, Carlos Lupi, participa no Inmetro de reunião sobre a certificação de equipamentos de proteção individual dos trabalhadores.

2007 - Inmetro realiza a Videoconferência Brazil – U.S. Digital Vídeo Conference Series on Standards com o Departamento de Comércio dos E.U.A.

2007 - Inmetro confere o primeiro Certificado em Responsabilidade Social à Serasa.

2007 - Visita do ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Miguel Jorge, ao campus do Inmetro em Xerém.

Nenhum comentário: