domingo, 28 de dezembro de 2014

Plano de Resposta a Emergências

 O Plano de Resposta a Emergências deve conter, no mínimo:

a) nome e função do responsável técnico pela elaboração e revisão do plano;
b) nome e função do responsável pelo gerenciamento e execução do plano;
c) designação dos integrantes da equipe de emergência, responsáveis pela execução de cada ação;
d) estabelecimento dos possíveis cenários de emergências, com base na análise de riscos;
e) descrição das medidas necessárias para resposta a cada cenário contemplado;
f) descrição dos procedimentos de resposta à emergência, incluindo medidas de evacuação das áreas,
remoção das fontes de ignição, quando necessário, formas de redução da concentração de amônia e
procedimentos de contenção de vazamento;
g) descrição das medidas de proteção coletiva e individual;
h) indicação dos EPI adequados ao risco;
i) registro dos exercícios simulados realizados com periodicidade mínima anual envolvendo todos os
empregados da área.

Sempre que ocorrer acidente que implique vazamento de amônia nos ambientes de trabalho, deve ser
efetuada a medição da concentração do produto no ambiente para que seja autorizado o retorno dos
trabalhadores às suas atividades.

Deve ser realizada avaliação das causas e consequências do acidente, com registro das ocorrências,
postos e locais afetados, identificação dos trabalhadores expostos, resultados das avaliações clínicas e
medidas de prevenção a serem adotadas.